Destaques

Setembro 22, 2015

“Eu vou ser eleito deputado no distrito de Coimbra contra todas as sondagens”

O líder do Partido Democrático Republicano (PDR), Marinho e Pinto, mostrou-se este domingo convicto de que vai ser eleito deputado pelo círculo eleitoral de Coimbra, minimizando as sondagens que têm afastado essa possibilidade. Em declarações aos jornalistas à entrada da Mata Nacional do Choupal, em Coimbra, no âmbito de uma ação de campanha do PDR, Marinho e Pinto disse que as sondagens “são feitas para alimentar as notícias vazias de conteúdo e de sentido”, reafirmando a sua convicção na eleição por Coimbra. “Eu vou ser eleito deputado no distrito de Coimbra contra todas as sondagens, contra muitos desejos que não querem que eu seja eleito. Eu vou ser eleito até para acabar com essa espécie de maldição, de [Coimbra] só eleger deputados do PS e do PSD”, afirmou Marinho e Pinto. O líder do PDR frisou que todos os candidatos do partido pertencem aos círculos eleitorais onde se candidatam, criticando o exemplo da porta-voz do Bloco de Esquerda, Catarina Martins “que foge de Aveiro” para se candidatar pelo círculo do Porto. Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/nacional/politica/detalhe/marinho_e_pinto_convicto_na_eleicao_por_coimbra.html
Setembro 26, 2015

MARINHO E PINTO DEFENDEU NECESSIDADE DE «REFUNDAR DE PORTUGAL» EM GUIMARÃES

O líder do Partido Democrático Republicano, António Marinho e Pinto, veio hoje a Guimarães, defender a necessidade de “mudar e refundar o Portugal, restituindo à República os seus valores fundacionais”. Em acção de campanha eleitoral, Marinho e Pinto esteve no mercado municipal e percorreu depois o Largo do Toural e o Centro Histórico, acompanhado pelo cabeça de lista por Braga Pedro Bourbon e do vimaranense Paulo Dias que também integra a candidatura. Apelando à participação dos eleitores das legislativas de 4 de Outubro, Marinho e Pinto considerou que quem não vota também é responsável pela situação em que o País se encontra.
Setembro 30, 2015

Todos Juntos ao Largo do Carmo

Caras companheiras e caros companheiros, Há mais de 40 anos, no Largo do Carmo, os meus camaradas militares derrubaram o ditador Marcelo Caetano e puseram termo a uma longa opressão. Nesse dia histórico, o povo português iniciou o seu caminho para a liberdade. Hoje, todos juntos, continuamos a percorrer o caminho da democracia, procurando construir uma sociedade mais justa e um País melhor para todos. É por isso que, amanhã, quinta-feira, *às 19 horas, conto com todos no Largo do Carmo.** * Vamos erguer a nossa voz para voltar a exigir um Portugal mais livre, mais justo e mais solidário. Conto consigo, Coronel Rodrigo Sousa e Castro